24 de janeiro de 2016

Tagmar 2 - Livro de Ambientação





...No princípio, na primeira pérola do cordão da existência, havia apenas as cores do caos. Seguindo a infinitude do para sempre, que era aquela primeira esfera, onde as luas contavam-se como todas e como nenhuma...

...Mas houve o fim da primeira pérola, e com ela, a separação do caos. Formaram-se os reinos superiores e os inferiores e em pouco tempo a sapiência manifestou-se em ambos..


O Projeto Tagmar 2 lançou este mês o seu mais novo complemento: o Livro de Ambientação. Esta obra detalha toda a ambientação do Tagmar, trazendo inúmeras informações sobre a história, os deuses, a cosmologia, a geografia, as raças e o calendário de Tagmar. Este é o fruto de um projeto que vem expandindo e aperfeiçoando um dos poucos sistemas onde não só as regras são de uso livre, mas também a ambientação.

Não deixe de ler este excelente livro, clicando aqui.

9 de janeiro de 2016

PODERES IDIGAM

Traduzido por tuelho em

MODELAGEM DE ESSÊNCIA

Todo idigam têm o poder de moldar e canalisar Essência de maneiras que parecem estranhas e estrangeiras para outros habitantes da Sombra. O Amorfo só pode remodelar sua própria essência desta maneira, mas o Coalescente possue a capacidade de usar os seus poderes Modelagem de Essência contra o mundo exterior. Esta lista oferece uma ampla seleção de Essência Moldar poderes, mas não é abrangente. O idigam são diversos, seres que uma vez se fundiram, capazes de todos os tipos de realizações bizarras e não naturais. Narradores são encorajados a criar novos poderes Modelagem de Essência que correspondem aos temas e papel de um idigam em sua crônica. Abaixo são relacionados esses poderes:

ESSÊNCIA ATAQUE
Enquanto engalfinhado com um inimigo (incluindo outros espíritos), o idigam pode brutalmente alterar seu fluxo de Essência para infligir ferimentos horríveis. Como um movimento que ele pode selecionar ao imobilizar em uma briga, o idigam pode reflexivamente rasgar um único ponto de Essência para fora de seu oponente, causando um ponto de dano agravado no processo. O idigam pode recolher essa essência para si ou permitir que a energia espiritual para se dissipe.

ARMADILHA DE ESSÊNCIA
Ao tocar uma vítima com uma fonte de Essência, o idigam pode imbuir uma cicatriz para fluir sua Essência com uma marca maligna. Se o idigam consegue vencer um teste de Poder + Refinamento oposição de Perseverança + Instinto Primitivo da presa (Resistência para espíritos), que faz com que a vítima sofra hemorragia horrendo quando ele tenta usar Essência. A Armadilha de Essência inflige um ponto letal de dano para cada ponto de Essência que a vítima gasta. A marca permanece até o idigam é destruído ou a vítima esvazia sua reserva de Essência inteiramente.

ESSÊNCIA ENVENENADA
Forçando em um alvo resistido ou tocando em uma vítima que não resistiu, o idigam pode derramar Essência corrompida nele, transferindo-se até o máximo de essência que o posto do idigam permite por turno. Até que ele usa ou sangre fora da Essência, a vítima deve testar Vigor + Perseverança + Instinto Primitivo menos o número de pontos Essence envenenados ainda em seu sistema a cada dia. Falha significa que uma doença espiritual aflige a vítima, causando a Tilt Doença sepultura sobre eles.

BURACO DE ESSÊNCIA
Ao tocar um objeto ou local com um tamanho de até duas vezes a pontuação do posto do idigam, o Lua-Banido pode criar um vazio que atrai energia espiritual. Tocar ou entrar no vazio faz com que um personagem com uma fonte de Essência perca um único ponto de Essência a cada turno como se sangrasse no nada. O próprio, os seus servos, e aqueles que têm o seu Essência contaminado pelo idigam em seu sistema (incluindo vítimas da capacidade Venom Essência Envenenada)não sofrem esses efeitos. O idigam pode ter até o dobro do seu Posto de vazios de  Essência ativos em determinado momento.


MANIPULAÇÃO DO DROMO
Com um teste de Poder + Refinamento afetados pelo modificador do dromo local, o idigam pode rasgar uma fenda através do dromo, permitindo o movimento entre a Sombra e a Carne. O idigam deve gastar um ponto de Essência por turno para manter o portal aberto. Em vez de uma abordagem tão brutalmente direta, o idigam pode tentar enfraquecer ou fortalecer o dromo na área local. Com um teste de Poder + Refinamento, o idigam pode aumentar ou diminuir a força do Dromo e o modificador de acompanhamento por um para cada sucesso obtido.

FANTASMA MANIPULAÇÃO
O idigam pode perceber e interagir com as energias mortais de fantasmas e, com um teste de Poder + Refinamento resistido por  Resistència + Refinamento de um fantasma, o idigam pode tentar resculpir um fantasma infeliz que ele toca. Este ataque custa Essência igual ao posto do fantasma, mas se for bem sucedido o idigam pode executar uma das seguintes ações:
• Deslocar um número de pontos igual ao Posto da idigam em Atributos e Influências do fantasma.
• Troque uma única Numen para outro.
• Mudar uma única âncora que o fantasma possui.
• Alterar as memórias do fantasma, o Vício e a Virtude.
• Alterar a proibição do fantasma e interdição.

LOCUS MANIPULAÇÃO
Por regurgitar sua Essência em um locus, um idigam pode manchar  o locus e ganhar influência sobre ele. Isso requer o idigam gastar três vezes a classificação do lugar em Essência, após o que corrompe o locus até a Essência é removido ou o locus é destruído. Um idigam que corrompeu um locus pode beber de sua Essência em qualquer faixa. Também pode sintonizar reflexivamente seus sentidos para qualquer local que tenha corrompido e detectar o que ocorre nesta região, como se estivessem presentes. Ao transferir Essência de um locus corrompido em outro ele pode ligá-los juntos, construindo uma teia de Essência corrompido que se torna mais poderoso - loci ligados devem ter suas classificações aumentado em 1. Uma vez ligado, o idigam pode mover-se entre um locus e no próximo em três sua velocidade normal. Ele também pode usar uma rede de loci corrompido para liberar certos Dread Powers com efeito devastador. Qualquer ser infeliz o suficiente para tomar Essência de um locus corrompido se torna vulnerável ao poder do idigam. O idigam agora pode reflexivamente ganhar uma idéia aproximada da localização da vítima, enquanto a Essence corrompido está em seu sistema, e ganha um bônus de +5 para as paradas de dados de todos os Essence Shaping, Numina, e Dread Poderes que têm como alvo a vítima.

UM MILHÃO DE OLHOS
O idigam pode reflexivamente estender seus sentidos através de qualquer servo que tenha criado através Forjar Servo, e qualquer criatura que leva sua Essência infectada. Isso lhe confere as percepções de pleno direito da criatura, incluindo o que ela está pensando no momento que o idigam centra a sua atenção sobre ela. Em uma escala mais ampla, o idigam imediatamente se torna consciente, sempre que um servo é atacado ou ferido, e os funcionários podem chamar a atenção do seu mestre com um pensamento em pânico.

MUDANÇA DA SOMBRA
O idigam pode transformar uma área de sombra em um labirinto de pesadelo, gastando 5 de Essência e afetando um raio igual em milhas ao seu Posto. Dentro desta área, tempo e espaço dobram de uma forma confusa e caminhos voltam sobre si mesmo. O idigam pode provocar até dois dos seguintes efeitos na área, que aflige qualquer ser diferente de si mesmo e os seus agentes:
• Uma grande penalidade a Iniciativa igual a pontuação do Posto do idigam.
• A penalidade para deslocamento igual a pontuação do Posto idigam.
• A penalidade para Percepção igual a posto do idigam.
• Uma grande penalidade em todas as jogadas de de perseguição a pé e de navegação para a área igual a pontuação do Posto do idigam.
• Qualquer pessoa que deixar ou entrar na área deve fazer um Perseverança + Autocontrole menos a pontuação do Posto do idigam para encontrar a saída ou será incapaz de fazê-lo e os seus caminhos vão se desviar ou dar voltas em si mesmos, entregando-os de volta para onde tudo começou.
• Qualquer espírito de classificação mais baixa do que o Posto idigam que tenta usar um Númina ou influência sofre um ponto de dano letal.

MANIPULAÇÃO DO ESPÍRITO
Com um teste de Poder + Refinamento resistido pela resistência + refinamento de um espírito, o idigam pode tentar reesculpir um espírito que ele pode perceber. Este ataque custa Essência igual ao Posto do espírito, mas se for bem sucedido o idigam pode executar um dos seguintes efeitos:
• Deslocar um número de pontos igual ao Posto da idigam em Atributos e Influências do Espírito.
• Troque uma única Númina por outra.• Alterar a proibição do espírito e interdição.
• Alterar a natureza do espírito através da infusão de sua Essência como que roubado de outro espírito. Isso muda a Ressonância da Essência que o espírito pode se alimentar a partir de, e muitas vezes transformá-lo em um Magath.

LADRÃO DE PRESENTES
Sempre que o idigam golpeia com sucesso um Uratha com um ataque corpo a corpo e causa dano, ele também pode rasgar o Uratha em seu espírito e roubar uma faceta dela dos seus dons. A Faceta roubada se torna impressas em padrão próprio da Essência do idigam, permitindo-lhe utilizar a energia uma vez como se fosse o lobo de quem o Faceta foi roubada. O lobisomem não perde a marca da Presente esculpida em seu espírito, mas não pode usar a faceta perdida até que o idigam seja morto ou utilize a próprio Faceta.
FORJAR SERVOS

Um dos aspectos mais terríveis do idigam é a sua capacidade de criar poderosos e bizarros servos, através da manipulação de Essência. Existem várias maneiras de Moldar Essência e poderes sob esta categoria, mas todos elas compartilham certas qualidades. Vítimas de um poder Forjar Servos deve ser incapacitada ou ficar sem resistência, e realizando a transformação leva 10 turnos. Alguns poderes Fojar Servo removem a alma da vítima; o idigam pode então descartar a alma para qualquer destino que o espera, ou pode armazená-la. Um idigam pode reter até duas vezes o seu posto em almas. As almas surgem no idigam de alguma forma, como lanternas, caixas-embrulhado em cadeia, ou esferas e gemidos de luz. Servos criados através Modelagem de Essência são geralmente altamente leais e ganham a capacidade de compreender e se comunicar com o seu novo dono, mesmo se o idigam não é normalmente capaz de se comunicar de forma coerente.

FORJAR DOMINADO
Só idigam podem tocar em um ser humano e, com um teste de Poder + Refinamento disputado por Perseverança + Autocontrole da vítima, arranca sua alma livre. Nesse caso, pode inserir um espírito ou alma da escolha do idigam para o corpo. No caso de um espírito, este imediatamente cria um dominado. Se o idigam faz isso com a alma, o vítima sofre a loucura condição persistente. Um idigam de uma inclinação mais experimental ou desequilibrado pode tentar embalar vários espíritos em um único corpo humano. Isso cria uma fusão bizarra chamada Hipereivindicado. Tais duguthim monstruosos são loucos, astutos e vorazes, criaturas que queimam através de Essência a uma taxa feroz. O poder espiritual puro contido em tal quadro de uma criatura faz com que a sua carne sinta a urdidura, torção, e de divisão, resultando em um desmedida monstruosidade. HipeReivindicado ocorrem "naturalmente" no mundo, mas apenas em circunstâncias muito raras.O HipeReivindicado segue as regras usuais para os dominados com as seguintes excepções:
• Quando reforçar atributos do sujeito, para cada uma das Poder, Refinamento e Resistência utilizar a maior pontuação entre todos os espíritos que reivindicam a vítima. Adicionar um ponto adicional de Força ou Vigor para cada espírito Reivindicando na vítima após o primeiro.
• Dependendo do número de espíritos reinvindicando o mortal, o mesmo aumenta de tamanho: 2-3 espíritos aumentam o tamanho de um, quatro a seis aumentam por 2, de sete a nove aumentam por 3 enquanto qualquer outro número de espíritos aumenta por 4. Este aumento de tamanho não é imediato, ocorrendo em um crescimento de 1 ponto por mês, enquanto o corpo se transforma e incha.
• Espíritos em um HipeReinvindicado não podem liberar a si mesmos; e se o anfitrião é morto, eles são permanentemente destruídos.
• HipeReinvindicados possuem uma reserva de Essência igual ao mais alto entre os espíritos presentes, mais um adicional de 2 pontos para cada espírito após o primeiro. Eles também podem recuperar Essência por consumir carne humana ou de lobisomem.
• Se uma colmeia reclamada ficar sem Essência, suas de fome se volta para dentro; recebe um ponto de dano letal a cada dia à medida que começa a consumir-se.

FORJAR LOBO SOLITÁRIO
O idigam podem tocar em um lobisomem e, com um teste de Poder + Refinamento disputado por Perseverança + Autocontrole + Instinto Primitivo, rasgar a alma livre e a substituem com um espírito ou alma de escolha do idigam. Se ele substitui o lobisomem sem alma com um espírito, este imediatamente cria um vazio Lobo, um tipo único de reinvindicado que mantém alguns dos poderes Uratha e habilidades sobrenaturais. Se o idigam faz isso com a alma, o lobisomem sofre a condição loucura persistente. Um lobo vazio segue as regras usuais para um Dominado com as seguintes excepções:
• Um lobo vazio retém os sentidos Uratha, metamorfose, e regeneração.
• Ele mantém todos os Dons, Facetas, e marcas de renome, mas não pode mais ganhar nenhum novo.
• Mantém a capacidade de realizar ritos e uso de fetiches e amuletos.
• Um lobo vazio já não trata de prata como uma desgraça. Em vez disso, leva dano agravado pela interdição do próprio idigam, que tem todo o efeitos de prata.

FORJAR ESPÍRITO DE CARNE
O idigam pode ter como alvo um espírito e, com um teste de Poder + Refinamento contestado pela Resistência da vítima, forçar o espírito a se manifestar permanentemente no mundo físico. O espírito é forçosamente ejetado da Sombra e não pode voltar. Torna-se constantemente com fome de Essência, com a necessidade de consumir a energia dos seres vivos diretamente. Espíritos ligados a carne tendem a ser perigosamente desequilibrado por sua metamorfose traumático em seres do mundo da carne. Um espírito ligado a carne segue as regras usuais de um espírito com as seguintes excepções:
• O espírito é permanentemente manifestada e não pode entrar Crepúsculo ou na Sombra.
• O espírito pode consumir a carne de qualquer criatura viva, ganhando um ponto de Essência para cada ponto de dano que inflige em uma vítima através de um ataque devorador. O espírito não pode ganhar Essência de qualquer outra fonte.
• O espírito cura automaticamente até a seu Posto de dano letal ou contundente a cada turno.
• O espírito perde Essência com o dobro da taxa usual para os espíritos no mundo da Carne.
• O espírito ganha um número de Dread Powers (ver pg 210). Como Se fosse um dominado, geralmente dois ou três poderes relacionados a sua natureza. Ele mantém suas núminas e Influências existentes.
• Se forçado a voltar para a sombra, por exemplo, através do Rito de Banir, o espírito retorna ao seu estado normal e deixa de ser um Espírito de Carne.

FORJAR ESCRAVO
Ao direcionar um ser humano ou Uratha dispostos, o idigam pode fazer um arauto para servir como um embaixador e agente de sua vontade. Arautos podem servir como assassinos letais ou enviados eloquentes, possuir o suficiente de sua própria intuição e iniciativa para perseguir os objetivos da idigam a uma distância do seu mestre. Aos arautos não é sempre permitido pensar que eles são outra coisa além um escravo, nem por um momento. Um arauto segue as regras usuais para um lobisomem ou humano ou com as seguintes exceções:
• O arauto acrescenta duas vezes a pontuação do idigam à sua reserva essência. No caso de um ser humano, ele ganha uma reserva de Essência igual a duas vezes a pontuação do posto do idigam, e pode passar uma ponto de Essência por turno para curar um ponto de contusão ou dano letal.
• O arauto pode manter uma cópia de um único Númina ou Dread Poder que o idigam possui. Ele usa Presença + Raciocínio no lugar de Poder + Refinamento no teste para o Poder Dread. Se um arauto é morto enquanto segura um Poder Dread, o idigam sofre uma série de pontos de dano letal igual a sua posição no retorno espiritual.
• O idigam pode focar sua atenção em qualquer um de seus arautos, ganhando uma sensação de que ele está vendo, ouvindo e sentindo.
• O arauto pode falar mente-a-mente com o seu idigam em qualquer intervalo.
• Com um rolo de Poder + Refinamento resistido por Perseverança, o idigam pode levar diretamente o controle da arauto em qualquer momento. Se o fizer, inflige um ponto de dano letal  no arauto.
• Se Uratha, o arauto já não trata de prata como um interdição. Os seres humanos e Uratha ganham interdição igual a do idigam como sua própria.

FORJAR SPAWN
Vomitando uma parte de sua própria essência, o idigam pode tentar criar um novo espírito - um spawn-criatura inspirado em sua própria imagem. O idigam só pode fazer essa desova com postos de poder abaixo do seu próprio posto no poder, a um custo de 5 Essência por Posto do espírito recém-criado. A desova segue as regras usuais para um espírito com o seguintes exceções:
• Só pode ter influências que o idigam possui.
• A sua proibição e interdição são as mesmos que o idigam.
• Pode substituir toda a sua Númina com um único Dread Poder que o idigam possui.